Reconstrução capilar, cauterização, hidratação ou selagem?

Reconstrução capilar, cauterização, hidratação ou selagem?
4.8 (96.36%) 11 votos

Conheça as diferenças e semelhanças entre as técnicas de reconstrução capilar, cauterização, hidratação e selagem. Pra que serve e quando usar cada uma delas.


Reconstrução capilar, cauterização, hidratação ou selagem? qual devo usar? 
Vamos saber mais:

 

Reconstrução capilar

Esse é um tratamento dos mais potentes. Ele reconstrói a estrutura danificada severamente. Vai reconstruir os fios até hidratar. Dando adeus à porosidade e ao frizz.

É necessário fazer um diagnóstico com um profissional da sua confiança para saber se este é o procedimento recomendável para você.

A reconstrução capilar bem semelhante à cauterização, mas potencializado com mais queratina.

Age por 15 minutos com aplicação da prancha. Desta vez há enxague, retirando todo o produto. E a finalização fica por conta do secador.

Não pode ser feito com frequência, por conta da queratina, e merece um enxague todo especial para não ter acúmulo de produto nos fios.

 

Hidratação capilar

O nosso dia a dia faz com que o cabelo perca a umidade necessária para ser forte e bonito. Aí entra a hidratação, ela vai devolver exatamente essa umidade que foi roubada pelo sol, poeira, mar, cloro.

Ela vai agir na parte externa do fio, proporcionando brilho, leveza e maciez aos cabelos. Esse procedimento deve ser feito mesmo em mechas sem química.

Deixe a hidratação fazer parte do seu ritual de beleza. Vale lembrar que a hidratação não age na estrutura interna do fio, não sendo eficaz para danos mais severos.

A mágica está na massagem que é feita nos fios. Aplicando o produto a partir do comprimento, até as pontas, fazendo movimentos rápidos com os dedos, de maneira a aquecer o produto, intensificando a ação.

Se você quer hidratar em casa, preste atenção ao escolher o produto, e nunca aplique no couro cabeludo.

Veja neste artigo: como hidratar seu cabelo gastando pouco!

 

Cauterização capilar

Age mais profundamente do que uma simples hidratação. É capaz de recuperar fios secos, com química, mesmos os danos mais severos.

O calor é usado para fechar as cutículas do fio. A ideia é fazer o produto penetrar nas camadas mais profundas.

Para finalizar é utilizada uma prancha, para fixar o produto nos cabelos. Você também pode encontrar a cauterização a frio.

Esse tratamento pode ser feito a cada 30 dias, nunca mais do que isso.

A queratina em excesso pode ter o efeito contrário ao desejado, enrijecendo os fios, causando quebra. A ideia é repor os elementos que foram perdidos, como queratina e proteínas.

 

Selagem capilar

É uma super hidratação a base de colágeno, silicone e queratina. Vai ajudar a recuperar os fios danificados. Outro benefício da selagem térmica é que ela alisa os fios.

É a técnica perfeita para quem quer tratar os fios e de quebra ainda ganhar um liso tão desejado.

Mas vale se atentar ao fato de que é definitivo, ou seja, os cachos não voltam mais. Adeus molinhas…

A Selagem capilar dura entre 2 e 3 meses. E requer cuidados. Os produtos químicos usados podem causar caspas, seborreia e oleosidade.

Agora a parte boa, com alguns, é que pode sim ser feito em casa. Mas lembre-se, se você não quer os cabelos lisos, este não é o tratamento para você.

 

E agora, qual escolher?

Como deu para notar, os procedimentos são muito parecidos de modo geral. A maior diferença fica por conta da aplicação e da finalização.

A cauterização é uma hidratação mais potente, a selagem, que também tem como função principal a hidratação, mas ela alisa o cabelo enquanto acontece a hidratação, já a reconstrução capilar, vai mudar a estrutura do fio, salvando-o dos danos severos e trazendo maciez e leveza aos fios.

Todas as técnicas têm custo entre 100 e 200 reais, e pode variar de acordo com o profissional que você vai escolher.

Procure um bom profissional, ele e somente ele, poderá saber qual o melhor procedimento e lhe orientar sobre os cuidados e a manutenção de cada procedimento.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.